Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Avaliador de imóveis

Este blogue pretende, de uma forma simples, esclarecer as questões sobre avaliação de imóveis, máquinas ou de equipamentos, e, ao mesmo tempo, revelar o dia a dia de um avaliador de imóveis!

Novamente a avaliação de máquinas e equipamentos

O nosso artigo de hoje é um “update” do que escrevemos em setembrode 2011, quando falamos de avaliação de máquinas e equipamentos.

Na altura definimos, de acordo com a International ValuationGuidance Note 3- Valuation of Plant and Equipment (Revised 2005), definimos oconceito de máquinas e equipamentos:

“Machinery: Individual machines or a collection of machines. Amachine is an apparatus used for a specific process in connection with theoperation of the entity. Equipment: Other assets that are used toassist the operation of the enterprise or entity.”

Falamos também de duas metodologias para a sua avaliação:

-Informações de mercado obtidas, por exemplo, em feiras eleilões, devidamente homogeneizadas;
-Aplicação do método de Ross-Heideke, em que o coeficientede depreciação ajusta o valor de mercado do bem. 

Gostaríamos no entanto de clarificar que não são as únicasmetodologias para a avaliação de máquinas e equipamentos, Assim sendo, temos:

-O método da linha reta que prevê uma depreciação linear, ouconstante, do bem ao longo do tempo, até que esse atinja o fim de suavida-útil, onde lhe restará apenas o “seu valor residual
-O critério de Kuentzle também é conhecido como “método daparábola”. Nele, a depreciação não é constante, como na linha reta, mas os seuspontos de extremos são os mesmos.
-O método de Cole ou da soma dos dígitos
-Fundo de amortização.

Refira-se que o critério de Ross-Heidecke é o primeiro aconsiderar o fator estado de conservação.



Fonte:  Avaliação demáquinas e equipamentos – Uma abordagem pelos métodos da depreciação ecomparativo, por  Athos Ubirajara daFrota Silva – athos@atspericias.com.br,Auditoria, Avaliações e Perícias de Engenharia, Instituto de Pós-Graduação eGraduação – IPOG 


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Links

As minhas páginas:

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D